Social Icons

.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Diga o que é bonito para você também...

 Há dias que você se sente como se um vazio no seu peito estivesse te consumindo e sugando suas forças e pensamentos, há momentos que nem mesmo eu sei quais são os motivos de tais singularidades e sentimentos.
Costumo pensar que entre as folhas jovens jamais poderá habitar uma seca e corroída, o tempo dela já se foi, da mesma maneira são as palavras ditas anteriormente, jamais poderão as novas infundi-las apenas por serem novas.
Alguns dos problemas de se sentir extasiado com o vento ou a canção que te lembra algo é nostálgico, mas não é nada generoso, as chagas tocadas na maioria das vezes não foram tratadas como de costume, quem sabe não tenha faltado carinho?
Contestar e duvidar das possibilidades vividas é em vão, o passado está varrido, projetar e elucidar o presente é o ideal, tornar sua colheita farta daqui alguns degraus depende da mucosa vermelha de sua face, porém o seio conta, dele vem a intenção.
E quando sentimos a onda de sussurro do perdão, alcançamos a plenitude, entramos em nossos sentimentos secretos entre as prateleiras de cobre e a poeira de nosso consciente. O surrealismo reina, no entanto o amor desatará todo e qualquer vestígio maligno.
Entre as porcas e os parafusos que não se encontram, nossos atos e sentimentos banais e sombrios os adéquam a atmosfera em questão. Porém a fertilidade que o esplendor os encontra de assalto, cegando a mesquinharia e a maledicência é exata. Triunfar é o mesmo que querer, chegaremos onde quisermos.  A vida em si já foi um presente...
- M. Leite

Um comentário:

  1. Que bom que vc está escrevendo muito, gosto qdo vc se entrega à escrita. vlw

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário

 
 
Blogger Templates